Páginas

24 setembro 2011

Prefeitura e Governo elaboram plano de combate ao crime


A Prefeitura de Curitiba e o governo do Estado fizeram na segunda-feira (19) a primeira reunião técnica para elaboração do plano integrado de combate à criminalidade nas áreas com maiores índices de violência na capital. As intervenções serão feitas pelas polícias Militar e Civil e Guarda Municipal, juntamente com ações sociais do Município nas comunidades. 

"Este é um projeto muito importante para a cidade. A população espera com muita expectativa uma resposta do poder público em relação à segurança", disse o prefeito Luciano Ducci, que participou da reunião, na Prefeitura. "As ações vão ser firmes, de saturação, e por tempo indeterminado", acrescentou. 

"Vamos ter uma ação concreta em regiões de grande complexidade em relação à ocupação urbana e criminalidade", afirmou o secretário estadual da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida César. "É um projeto ambicioso e consistente, que passa pela identificação de áreas, ações de repressão, sociais, de desenvolvimento e regularização fundiária". 

O comitê gestor do plano, formado pelas secretarias municipais do Planejamento, da Defesa Social e do Urbanismo, Polícia Militar e Polícia Civil, apresentará em 10 dias um projeto piloto para a primeira área a receber as intervenções. As ações de segurança e sociais deverão começar em um prazo de 60 dias. 

"O projeto representa a busca do Município e do governo do Estado por mais segurança. Com o trabalho integrado, teremos melhores resultados", disse o comandante da Polícia Militar, coronel Marcos Teodoro Scheremeta, também presente na reunião . "Vamos trabalhar duro para levar mais tranquilidade às famílias curitibanas e também do restante do Paraná". 

O coordenador do comitê gestor do plano, coronel Roberson Bordanuk, explicou que a proposta da ação integrada é reestruturar totalmente as áreas com focos de criminalidade para que se tornem regiões sustentáveis, com segurança permanente. "Vamos transformar as áreas em ambientes naturalmente seguros", afirmou. 

"Todo esse trabalho envolve capacitação de profissionais, órgãos trabalhando afinados e novas tecnologias de segurança, como já é feito em outras regiões do Brasil e em outros países", disse o coronel Roberson. 

Participam do comitê gestor os secretários municipais do Planejamento, Homero Giacominni, e da Defesa Social, Nazir Chain, os delegados Silvio Rokembach, da Agência de Inteligência da Polícia Civil, e Valmir Socio, chefe da Divisão de Policiamento da Capital, e representante da Secretaria Municipal do Urbanismo. 

Também participaram da reunião com o prefeito Luciano Ducci o delegado-chefe da Polícia Civil, Marcus Vinicius Michelotto, o comandante do Policiamento da Capital, coronel Ademar Cunha Sobrinho, os secretários municipais do Planejamento, Homero Giacominni, da Defesa Social, Nazir Chain, Antidrogas, Hamilton klein, e do Governo Municipal, Luiz Fernando Jamur, e os delegados Silvio Rockembach,Valmir Soccio e Riad Fahad, chefe do Departamento Estadual de Narcóticos (Denarc).
Redação Bonde com SMCS de Curitiba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com