Páginas

30 abril 2011

CAOS ADMINISTRATIVO NO PIAUÍ: Governador quer extinguir Polícia Civil



O governador Wilson Martins (PSB) vai viajar nesta quarta-feira para Brasília, onde vai se reunir como o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, para solicitar a presença da Guarda Nacional para atuar no Piauí durante a greve dos políciais civis, que já dura duas semanas.

O governador Wilson Martins quer extinguir com a Polícia Civil e está consultando autoridades do setor para saber como a extinção é feita legalmente e quais os procedimentos adotados por outros Estados que extinguiram a Polícia Civil.

Ele está recebendo muitas denúncias de corrupção supostamente praticadas por policiais civis. Estudo feito pelo Governo do Estado aponta que 98% das prisões em flagrante são feitas por policiais militares, que também são responsáveis por 58% das diligências.

Coordenador da Cico pede licença-prêmio e deverá se aposentar ao voltar

O secretário estadual de Segurança Pública, Robert Rios Magalhães, informou que o coordenador da Cico (Comissão Investigadora do Crime Organizado), Francisco do Bonfim Filho, pediu licença-prêmio e quando retornar ao trabalho deverá solicitar aposentadoria porque já tem tempo de serviço para isso.

"O delegado Bonfim é um grande amigo que eu tenho", declarou Robert Rios Magalhães. Ele falou que ainda está avaliando o nome do delegado que vai substituir Bonfim Filho na coordenação da Cico.

Policiais civis são investigados por envolvimento com tráfico de drogas

O governador Wilson Martins e o Secretário Estadual de Segurança Pública, Robert Rios Magalhães enviaram para o superintendente da Polícia Federal do Piauí, o delegado Marcos Antônio Farias o depoimento da operadora de marketing S.F.A que denunciou a participação de policiais civis com o tráfico de drogas recebendo propinas.

Robert Rios informou que por causa da disputa interna na polícia civil, a Polícia Federal tem mais condições de investigar as denúncias e participação dos policiais civis no acobertamento do tráfico de drogas.

Além do depoimento de S.F.A também foram repassados para a Polícia Federal o depoimento de outras pessoas envolvidas com o crime que informam também o envolvimento de civis com corrupção.

Robert Rios assinou uma portaria afastando cerca de 200 policiais militares que trabalhavam como delegados no interior do Piauí.
Fonte: Jornal Luzilândia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com