Páginas

14 abril 2012

Guarda Municipal de Criciúma continua sem armas


Guarda Municipal continua sem armas

Ampliar Imagem
As recentes ameaças que a Guarda Municipal (GM) de Criciúma vem sofrendo não são motivos para cogitar a possibilidade de conceder porte de arma de fogo aos guardas, segundo o presidente da Autarquia de Segurança, Trânsito e Transportes de Criciúma (ASTC), Giuliano Elias Colossi.
“A atuação da Guarda Municipal é preventiva, e não ostensiva. A função deles, nesse caso, era proteger um patrimônio. A partir do momento em que há o conflito, torna-se uma questão de Segurança Pública, e aí é com a Polícia Militar”, explica Colossi.
“Os nossos guardas não foram preparados para utilizar armas de fogo. Seria necessário um curso de uns seis meses para isso”, contabiliza.
O presidente da ASTC é claro ao afirmar que equipar os guardas municipais com arma de fogo está fora de discussão.
Represálias contra os guardas municipais, especialmente nos bairros mais violentos de Criciúma, têm se tornado comum nos últimos dias. Na madrugada desta quarta-feira, um homem efetuou disparos de revólver no posto de saúde do Bairro Boa Vista, que estava sendo protegido pela GM.
Informações mais detalhadas estarão na matéria produzida pela jornalista Talise Freitas, que será publicada no jornal A Tribuna desta quinta-feira.
_____________________________________________________________________________
Isso que dá nomear pessoas descomprometidas com a causa pública e pior ainda, com nenhum conhecimento sobre o órgão público que administra.
Sobre o Presidente da Autarquia:
possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (1994) e mestrado em Ciências Ambientais pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (2005) . Atualmente é Cargo Comissionado da Cia. de Des. Ec. e Plan. Urbano. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo. Atuando principalmente nos seguintes temas: Habitação Popular, Políticas Públicas e Conjuntos Habitacionais, Relação urbano-ambiental de conj. hab..
(Texto gerado automaticamente pela aplicação CVLattes)
____________________________________________________________________________________________________________
Com o devido respeito, não vejo sua formação em Segurança Pública, Direito Público ou que seja, Defesa Social. Deste modo, não podemos esperar muito ou exigir uma postura de administrador mais coerente com a função que ocupa partindo do principio que administra algo o qual desconhece na sua totalidade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com