Páginas

29 fevereiro 2012

Ducci também propõe elevar o piso dos guardas municipais de R$ 1 mil para R$ 1,4 mil.


Ducci propõe aumento de 10% para servidores e reduz o próprio salário

Projeto de lei que autoriza o aumento aos servidores foi encaminhado à Câmara Municipal


29/02/2012 | 10:17 | FERNANDA LEITÓLES E ANDRÉ GONÇALVES, CORRESPONDENTE EM BRASÍLIAatualizado em 29/02/2012 às 11:46
Os servidores municipais de Curitiba poderão ter aumento salarial de 10% a partir de abril deste ano. O reajuste beneficiará aproximadamente 44 mil servidores (33,5% da ativa e 10,3% aposentados e pensionistas).
Em ano eleitoral, essa foi uma das medidas anunciadas prefeito Luciano Ducci (PSB) nesta quarta-feira (29). Ele também irá reduzir o próprio salário em 30%.
O projeto de lei que autoriza o aumento aos servidores foi encaminhado à Câmara Municipal. Os secretários municipais e o prefeito Luciano Ducci não receberão o reajuste de 10%. Eles serão contemplados com a reposição da inflação.
“Este é o maior reajuste concedido aos servidores desde o Plano Real. É justo e necessário para uma equipe que presta serviços de qualidade pela cidade e pela população curitibana”, afirmou Luciano Ducci, em entrevista ao site da prefeitura.
O Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba (Sismuc) ainda não foi comunicado oficialmente da proposta da administração municipal. A diretora de assuntos jurídicos do Sismuc, Irene Rodrigues, afirmou que o reajuste anunciado ficou abaixo do que os servidores reivindicavam. Segundo ela,o aumento teria de ser de, no mínimo, 14% para recompor as perdas salariais dos últimos oito anos – gestões de Beto Richa (PSDB) e Ducci.
O reajuste será avaliado pelos servidores, em assembleia, na noite desta quarta-feira, às 19 horas.
Corte no salário
Em ano eleitoral, o pacote apresentado pelo prefeito Luciano Ducci incluiu também a redução formal do salário dele em 30%. O projeto será enviado à Câmara Municipal nesta quarta-feira.
A redução será de R$ 8.016,94. Se o projeto for aprovado, o salário bruto do prefeito será reduzido de R$ 26.723,13 para R$ 18.706,19.
De acordo com a prefeitura, Ducci já devolve mensalmente 30% de seu salário líquido desde o início do mandato, com o projeto, o corte será feito automaticamente. Richa também fazia a devolução.
A redução formal já foi estudada antes, mas não foi aplicada por impedimentos legais. A Procuradoria-Geral do Município informou, por meio da assessoria de imprensa da prefeitura, que o corte nos vencimentos de Ducci é legal. Não há vinculação entre o salário do prefeito e o dos servidores, de acordo com a Procuradoria.
Outras medidas anunciadas
Ducci também propõe elevar o piso dos guardas municipais de R$ 1 mil para R$ 1,4 mil.
Por último, ele apresentou um projeto que amplia o salário dos professores por meio do Programa de Produtividade e Qualidade. A gratificação será de R$ 275.

Extraído de: http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?id=1228497&ch=

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com