Páginas

02 janeiro 2011

Conheça as equipes de trabalho dos governos Estadual e Federal

Centro Sul – Com o resultado obtido nas urnas foram eleitos o novo governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), e a nova presidente do Brasil, Dilma Roussef (PT). Richa e Dilma já definiram as equipes de trabalho e os ministros que vão auxiliar os governos Estadual e Federal, a partir da posse em 01 de janeiro.
Governo do Estado
Administração dos Portos do Paraná (Appa): Airton Maron, engenheiro civil.
Casa Militar: Adilson Castilho Casitas, ingressou na Polícia Militar em 1980.
Planejamento: Cassio Taniguchi, engenheiro eletrônico.
Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano (Sedu): Cezar Silvestri, engenheiro civil.
Corregedoria e Ouvidoria Geral: Cid Vasques, graduado em Direito.
Chefia de Gabinete: Deonilson Roldo, jornalista.
Casa Civil: Durval Amaral, advogado.
Assuntos Estratégicos: Edson Casagrande, empresário.
Secretaria Especial de Esportes: Evandro Rogério Ro-mam, mestre e doutor em Educação Física.
Turismo: Faisal Saleh, empresário.
Família e Desenvolvimento Social: Fernanda Richa, bacharel em Direito.
Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar): Fernando Ghignone, formado em Administração de Empresas.
Educação: Flávio Arns, vice-governador eleito é formado em Direito.
Instituto Agronômico do Paraná (Iapar): Florindo Dalberto, engenheiro agrônomo.
Procuradoria Geral do Estado do Paraná (PGE): Ivan Bonilha, advogado.
Companhia de Informática do Paraná (Celepar): Jacson Carvalho Leite, administrador de empresas.
Paraná Previdência: Jayme de Azevedo Lima, advogado.
Meio Ambiente: Jonel Nazareno Iurk, engenheiro civil.
Infraestrutura e Logística: José Richa Filho, engenheiro civil.
Companhia Paranaense de Energia (Copel): Lindolfo Zimmer, engenheiro mecânico e economista.
Companhia Paranaense de Gás (Compagás): Luciano Pizzato, engenheiro florestal.
Fazenda: Luiz Carlos Hauly, formado em Economia e Educação Física.
Administração: Luiz Eduardo Sebastiani, economista e mestre em Teoria Econômica.
Trabalho: Luiz Claudio Romanelli, bacharel em Direito.
Centrais de Abastecimento do Paraná (Ceasa): Luiz Dâmaso Gusi, engenheiro agrônomo.
Instituto Ambiental do Paraná (IAP): Luiz Tarcisio Mossato Pinto, funcionário público de carreira do IAP.
Comunicação Social: Marcelo Cattani, graduado em Comunicação Social.
- Instituto das Águas: Márcio Nunes, engenheiro agrônomo.
Polícia Militar: Marcos Teodoro Scheremeta, bacharel em Direito.
Departamento de Trânsito do Paraná (Detran): Marcos Traad, zootecnista e funcionário público desde 1984.
Polícia Civil: Marcus Vinicius da Costa Michelotto, graduado em Direito e Delegado da Polícia Civil.
Justiça: Maria Tereza Uille Gomes: formada em Direito.
Assuntos da Copa do Mundo de 2014: Mario Celso Cunha, jornalista.
Ferroeste: Mauricio Querino Theodoro, empresário.
Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar): Mounir Chaowiche, administrador de empresas.
Saúde: Michele Caputo Neto, farmacêutico, servidor público desde 1985.
Agricultura e Abastecimento: Norberto Anacleto Ortigara, economista e técnico agrícola.
Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento (Lactec): Omar Sabbag, engenheiro.
Cultura: Paulino Viapiana, jornalista.
Segurança Pública: Reinaldo de Almeida Cesar, graduado em Direito e Delegado da Polícia Federal.
Indústria e Comércio: Ricardo Barros, engenheiro civil.
Instituto Emater: Rubens Ernesto Niederheitmann, engenheiro agrônomo.
Agência de Fomento: Juraci Barbosa Sobrinho, advogado.
Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec): Rui Hara, médico.
Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar): Silvestre Staniszewski, engenheiro agrônomo.
Relações com a comunidade: Wilson Quinteiro, advogado.
Governo Federal
Agricultura: Wagner Rossi, formado em Direito.
Banco Central: Alexandre Tombini, funcionário do Banco Central desde 1995.
Casa Civil: Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda.
Cidades: Mario Negromonte, advogado.
Ciência e Tecnologia: Aloizio Mercadante, economista.
Cultura: Ana de Hollanda, atriz e cantora.
Comunicações: Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento.
Defesa: Nelson Jobim, ministro da Justiça no governo Fernando Henrique.
Desenvolvimento Agrário: Afonso Florence, formado em Ciências Sociais.
Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior: Fernando Pimentel, economista.
Desenvolvimento Social: Tereza Campello, economista.
Educação: Fernando Haddad, está a frente da pasta desde 2005.
Esporte: Orlando Silva, ministro desde 2006.
Fazenda: Guido Mantega, manteve-se no cargo que está há cinco anos.
Integração Nacional: Fernando Bezerra Coelho.
Justiça: José Eduardo Cardozo, advogado.
Meio Ambiente: Izabella Teixeira, bióloga e funcionária de carreira do Ibama desde 1984.
Minas e Energia: Edison Lobão, ocupou a pasta no governo Lula.
Planejamento: Miriam Belchior, coordenadora do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).
Previdência Social: Garibaldi Alves, formado em direito e jornalista de profissão.
Relações Exteriores: Antonio Patriota, ex-embaixador do Brasil em Washington.
Relações Institucionais: Luiz Sérgio Nóbrega de Oliveira, ex-metalúrgico e foi reeleito como deputado federal pela quarta vez.
Saúde: Alexandre Padilha, médico infectologista.
Trabalho: Carlos Lupi, comandou a pasta desde 2007.
Transportes: Alfredo Nascimento, a frente da pasta nos dois mandatos de Lula.
Turismo: Pedro Novais, advogado
Secretaria-Geral: Gilberto Carvalho, chefe de gabinete de Lula desde 2003.
Texto: Marina Lukavy, da Redação
Publicado na edição 551, em 29 de dezembro de 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com