Páginas

06 janeiro 2012

Indaiatuba reforça ações na segurança pública

Indaiatuba - A Prefeitura de Indaiatuba conseguiu junto ao Ministério da Justiça a formalização de um convênio para ampliação do sistema de videomonitoramento para os bairros Cecap e Distrito Industrial. O projeto também prevê capacitação da Guarda Municipal e implantação de ações de prevenção à violência no município. O documento foi protocolado no início de dezembro e publicado no Diário Oficial da União de 28 de dezembro de 2011. 

O valor total do projeto é de R$ 1,27 milhão e a contrapartida do governo municipal fica em R$ 25,59 mil. A administração aguarda liberação dos recursos para abertura das licitações. Serão instaladas 23 câmeras no Cecap, sendo 19 fixas e quatro móveis. No Distrito Industrial serão 19 câmeras, 14 fixas e cinco móveis. Todas estarão interligadas ao Centro de Operações e Inteligência (COI) da Guarda Municipal (GM). 

Direção defensiva

Na área de capacitação vai ser oferecido curso de direção defensiva e evasiva para 90 guardas, divididos em três turmas, com 30 horas/aula cada. 

Dentro das ações de prevenção à violência serão ministradas oficinas para 3.600 estudantes da rede municipal de ensino. 

Entre os temas que serão abordados estão primeiros socorros, planejamento familiar, direitos humanos e cidadania, prevenção ao uso de entorpecentes, prevenção à violência doméstica e prevenção de acidentes de trânsito.

Visando fortalecer a segurança na cidade a prefeitura também publicou na Imprensa Oficial, em 23 de dezembro do ano passado o termo de homologação da licitação para compra de motocicletas para uso da Guarda Municipal. Serão adquiridas 16 motos XRE 300 cilindradas 0 Km, que vão substituir veículos mais antigos. 

Agentes de trânsito

Desse total, 10 serão repassadas para agentes de trânsito que também vão patrulhar e outras seis para a Romi (Rondas Ostensivas de Motocicletas de Indaiatuba).

A vencedora da licitação foi a Prolink Veículos Ltda. Serão investidos pouco mais de R$ 260 mil nas aquisições. Cada motocicleta tem custo de R$ 16.285,00. 

Elas devem estar em patrulhamento até a primeira quinzena de fevereiro. A Guarda municipal registra aumento de veículos apreendidos.

As apreensões de veículos promovidas com apoio do Centro de Operações e Inteligência (COI) da Guarda Municipal cresceram 100% no ano passado. Em 2010 foram registradas 37 e em 2011 o número subiu para 74. Todas as modalidades onde atua o centro apresentaram crescimento.

Veículos apreendidos

Enquanto as ações subiram de 64 para 91, ou 42,2%, o número de presos em flagrante cresceu 34,6%, saindo de 26 para 35. 

Os indiciados com auxílio do trabalho do COI saíram de 29 para 61, uma ampliação de 110,3%. Na soma dos dois anos foram promovidas 155 ações, 61 acabaram presos, 90 foram indiciados e 111 veículos apreendidos.

O chefe-de-gabinete e secretário de Defesa e Cidadania, Alexandre Guedes Pinto, ressalta que as prisões com suporte do trabalho do setor de Inteligência do COI estancam o aumento no número de delitos. 

"Esses números demonstram o crescimento da atuação contra a criminalidade, mas são ainda mais importantes quando levamos em conta que cada prisão ou apreensão evita inúmeros outros crimes", defende. 

Guedes diz ainda que com a atuação do centro de operações, a parceria entre Guarda Municipal, Polícia Civil e Polícia Militar foi ampliada. Os relatórios produzidos pela Inteligência são repassados e utilizados pelas forças policiais que agem em conjunto. 

Elucidação de crimes

A delegada Titular de Indaiatuba, Ruth Daniel de Souza, disse que o trabalho do COI ajuda e muito a polícia a elucidar os crimes.

"As imagens são essenciais para o nosso trabalho. Elas nos oferecem o ponto de partida para as investigações e nos levam a resolução da maioria dos casos. Um dos exemplos é a prisão dos suspeitos de envolvimento no assassinato ocorrido em dezembro de Francisco Cavalcante de Lacerda, 46 morto a tiros em posto de gasolina, no bairro Itaici, em 23 de dezembro de 2011. Conseguimos concluir a investigação graças às imagens e ao trabalho de inteligência do COI. Hoje não teríamos mais como trabalhar sem esse apoio", comenta.

Suporte

Para o capitão PM André Luiz Pacheco Pereira, comandante da 4ª Companhia da Polícia Militar em Indaiatuba, o suporte da Inteligência é imprescindível. Ele cita pelo menos dois casos em que a parceria resultou em prisões. Um deles foi o do assassinato que aconteceu num posto de gasolina em Itaici e o outro, ocorreu em outubro, quando foram presos ocupantes de um Punto e apreendidos dois módulos de ignição utilizados pelos criminosos. Pereira lembra que cada vez que o veículo entrava na cidade dois furtos de carros eram cometidos e com a prisão novos crimes acabaram evitados. "O apoio do COI nos ajuda e muito. De pronto, lembro desses dois casos. A parceria com a GM é grande e será ampliada ainda mais. Agora em 2012 vamos realizar reuniões periódicas para traçar conjuntamente nossas estratégias", declara o capitão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com