Páginas

18 novembro 2009

Guardas paralisam atividades no dia 23


18/11/2009 - Guardas paralisam atividades no dia 23


Mobilização cobra medidas da administração para evitar mortes e melhorar condições de trabalho da categoria.
O assassinato do guarda municipal Leocádio Swami de Mello e Silva, 59 anos, ocorrido no último dia 15, é mais um capítulo trágico na história dos trabalhadores da prefeitura de Curitiba. Esta é a quarta morte de guarda em cinco meses, por motivos relacionados à profissão. Os ocorridos expõem um problema grave no serviço público, ou seja, o risco do trabalho potencializado pela falta de condições adequadas para o exercício profissional.
Preocupados com essa situação os servidores da guarda municipal preparam uma paralisação das atividades em protesto, no próximo dia 23. Com a palavra de ordem “Perca um dia, mas não perca a vida!”, eles pretendem levar os trabalhadores às ruas, mesmo sob o risco de descontos salariais. O objetivo é cobrar da prefeitura o atendimento de uma pauta de reivindicações que exige dentre outras coisas a abertura de concurso público para contratação de mais guardas, aumento do piso salarial de R$ 710,88 para R$ 1,3 mil, normatização das escalas, fornecimento de equipamentos e garantia da cautela da arma.
O documento foi elaborado em assembleia dos guardas, realizada no mês passado, a qual também deliberou pela organização de um ato público. Protocolada no último dia 3, na prefeitura, a pauta ainda não obteve resposta de Beto Richa e nem do secretário de defesa social Itamar dos Santos. E pelo que tudo indica, não há disposição em resolver os impasses.
Posição da PMC
Em matéria divulgada ontem pelo jornal Tribuna do Paraná, o Sismuc soube que a chefe do núcleo de educação regional do Cajuru Elizabeth Dubas decidiu manter normal o atendimento na Escola Municipal Senador Eneas Faria, no Cajuru, onde Leocádio foi assassinado, como se nada tivesse acontecido.
Em sessão da câmara de vereadores, o líder do governo Mario Celso Cunha fez uma declaração desastrosa. Ele culpabilizou os quatro guardas assassinados pelas suas próprias mortes, reforçando a posição da administração sobre os fatos. Em sua opinião, os guardas teriam agido de forma irresponsável.
Por outro lado, o supervisor da guarda Aparecido reconheceu os problemas e cobra a contratação de mais guardas para que possam atuar em dupla.
A situação precária dos guardas curitibanos tem levado parte da categoria a desistir da carreira. Dos 220 guardas concursados e convocados que iniciaram o curso de formação, apenas 186 permanecem, segundo relatos da própria categoria, em assembleia realizada na última segunda-feira.
Exemplos
Em outras capitais onde problemas como esse também existem, a categoria tem enfrentado as administrações por meio de greves. Em São Paulo, por exemplo, os guardas metropolitanos paralisaram as atividades por sete dias e o caso foi parar no Tribunal de Justiça. Em Salvador, os guardas conquistaram ganhos como adicional de risco e outros benefícios depois de 72 horas de paralisação, neste mês. Greves também fizeram parte das atividades organizadas pelos representantes da categoria em Goiânia e Fortaleza.
Segurança em greve
A partir das 24 horas deste sábado, os agentes penitenciários do Paraná entram em greve e no dia 24 é a vez dos policiais civis também entrarem em greve. Os dois movimentos também exigem melhores condições de trabalho.
Calendário de atividades
Além da paralisação do dia 23, prevista para iniciar 8 horas, com concentração na praça Tiradentes, também é preparada uma série de outras atividades, sendo algumas já em andamento. Durante esta semana uma barraca está instalada na Boca Maldita para distribuição de panfletos e coleta de assinaturas para um documento que pede apoio à população para as reivindicações dos guardas. No dia 21, também na Boca Maldita, ocorre uma exposição de fotos sobre as condições de trabalho dos guardas e será realizado um ato em memória a Leocádio. Ambas as atividades iniciam às 11 horas.
Imprensa Sismuc

"" Ofende os bons, quem poupa os maus ""

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com