Páginas

26 março 2010

Guarda detém 39 torcedores por vandalismo após jogo Coxa e Paraná





Guarda detém 39 torcedores por vandalismo após jogo Coxa e Paraná

Guardas municipais de Curitiba detiveram 39 pessoas que depredaram um ônibus Ligeirinho da linha Boqueirão-Centro Cívico na noite desta quinta-feira (25), depois do jogo entre Coritiba e Paraná, no estádio Couto Pereira. O vandalismo foi provocado por torcedores dos dois times. Foram detidos 22 adolescentes e 17 adultos. 
A Urbs, Urbanização de Curitiba S/A vai acionar na justiça os vândalos presos. "Vamos entrar na Justiça para que estas pessoas paguem pelo prejuízo que causaram à cidade de Curitiba", afirma o diretor de Transporte da Urbs, Fernando Ghignone que fez questão de destacar o trabalho da Guarda Municipal. "Graças às prisões que foram feitas em flagrante será possível identificar os responsáveis por este crime e cobrar os prejuízos", afirmou. No caso de adolescentes, menores de 18 anos, a responsabilidade passa para os pais ou responsáveis. 
A confusão começou quando torcedores do Coritiba, que entraram no ônibus no Centro Cívico, provocaram torcedores do Paraná Clube que caminhavam pela rua, na região do Teatro Paiol. Os torcedores paranistas reagiram atirando pedras,que quebraram vidros do ônibus. Os torcedores do Coxa reagiram quebrando vidros para pular do veículo e continuar a briga.
O motorista do ônibus, da empresa Carmo, prosseguiu a viagem, mas os torcedores do Coritiba continuaram quebrando vidros de portas, janelas, armações e saídas de emergência para tentar sair. O motorista parou somente próximo ao terminal Carmo, onde recebeu apoio de três viaturas da Guarda Municipal.
 O ônibus teve quebrados sete vidros grandes, nove vidros pequenos, um vidro de porta e quatro caixas de alumínio (que prendem as janelas), além de uma borracha de janela.
 "O maior perigo da situação era a vida dos próprios passageiros do ônibus, que estavam tentando pular do veículo em movimento", disse o inspetor da Guarda Municipal Claudio Frederico de Carvalho, que acompanhou a ocorrência.
Os adolescentes foram encaminhados à Delegacia do Adolescente e os adultos ao 2º Distrito Policial, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado. As pessoas detidas serão chamadas no Juizado Especial Criminal para responder a uma Transação Penal, ficando sujeitos a multa.
No total, foram registrados seis casos de vandalismo em ônibus depois do jogo. Além do ligeirinho Boqueirão/Centro Cívico, foram alvo de vândalos outros cinco ônibus, das empresas Glória, São José e Redentor. Foram quebrados quatro vidros fixos, dois vidros de porta e dois de janela. Os registros, entre 21h30 e 23h, ocorreram em pontos das ruas Theodoro Makiolka; Laura Lopes, João Negrão e Sete de Setembro.

Um comentário:

  1. Parabéns inspetor Frederico, é esse tipo de pessoa que a guarda municipal precisa como dirigente.

    ResponderExcluir

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com