Páginas

01 abril 2009

Quadrilha assalta posto bancário em Curitiba



Um vigilante e cinco guardas municipais tiveram suas arm
as roubadas durante tentativa de assalto a um posto bancário do Santander, localizado na Rua da Cidadania de Santa Felicidade, em Curitiba.
O crime ocorreu no início da tarde de ontem, dia em que é feito o pagamento do salário a servidores municipais. Como não conseguiram abrir o cofre do banco, os bandidos abortaram o roubo e fugiram levando as seis armas, além de um radiocomunicador (HT) que sintoniza a frequencia da polícia.
Para azar dos marginais, a Rua da Cidadania é equipada com câmeras de monitoramento e no local funciona o Núcleo de Proteção ao Cidadão, onde vários guardas municipais estavam de plantão.
“A Guarda foi rápida e impediu que uma tragédia acontecesse, já que várias pessoas, inclusive crianças, transitavam pelo local”, disse o inspetor Gilberto Ramos de Oliveira.

Ele contou que pelo menos oito bandidos participaram da ação, que durou cerca de quatro minutos. Por volta das 13h, os marginais chegaram em dois veículos - uma Parati e um Palio Weekend, ambos de cor prata. Para realizar o assalto, retiraram as placas dos carros e estacionaram em frente à Rua da Cidadania, na Rua Madre Clelia Merloni.

Ação


Seis marginais armados desceram dos veículos e foram em direção ao posto. Quatro deles ficaram do lado de fora dando cobertura: um deles com uma submetralhadora e outro também portando arma longa de grosso calibre, provavelmente uma escopeta. “A quem se aproximava do banco, eles diziam que eram agentes da Polícia Federal e pediam para se afastar”, disse o inspetor.

Outros dois invadiram o banco e renderam as seis pessoas que estavam no local: o vigilante, dois funcionários e três clientes, entre eles um guarda municipal que retirava o salário e uma supervisora da Guarda que estava no caixa eletrônico. “Como descobriram que o cofre tinha fechadura de retardo e só podia ser aberto de dez em dez minutos, resolveram desistir de levar o dinheiro”, disse o inspetor.

Além de pegar a arma dos dois guardas e do vigilante, os marginais ainda tomaram os revólveres calibre 38 de três guardas que perceberam a movimentação e foram checar a situação.

Gravação


Como toda a ação foi gravada pelas câmeras de segurança, guardas municipais do núcleo chamaram apoio das polícias Militar e Civil. Os bandidos que estavam com o radiocomunicador perceberam que equipes da PM se aproximavam.
Um deles gritou “sujou” e todos fugiram. Equipes da Rone (Ronda Ostensivas de Natureza Especial), do 12.º Batalhão da PM e do Cope (Centro de Operações Policiais Especiais) foram acionadas.

Instantes depois, a PM localizou o Palio Weekend usado na fuga, numa viela da Rua João Todeschini, perto do 12.º Distrito Policial. O carro foi roubado na segunda-feira, no bairro Boa Vista. Uma Parati semelhante à usada na fuga foi abordada na BR-277, bairro Mossunguê, mas, segundo a polícia, não se tratava do mesmo veículo.

As imagens das câmeras de monitoramento foram encaminhadas para o Cope, encarregado de investigar o caso. De acordo com o delegado Alexandre Bonzatto, por meio da análise das imagens, pelo menos cinco bandidos participaram do assalto. “Ainda é cedo para saber o número exato.” Até o início da noite de ontem, ninguém havia sido preso.

Um comentário:

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com