Páginas

13 janeiro 2013

Vítima reage e mata assaltante na região central de Curitiba


Fernanda Deslandes

Um homem reagiu a uma tentativa de assalto, tomou a arma de seu algoz e o matou, no início da madrugada de domingo, no Centro de Curitiba. Ele também foi baleado e está em estado grave, internado no Hospital Evangélico.

Foto: Marco André Lima
Uma equipe da Guarda Municipal monitorava as câmeras da região central quando percebeu uma movimentação estranha pouco depois da 1h perto do Verona AFF-8754, que estava estacionado na Rua Riachuelo, perto da esquina com a Rua Carlos Cavalcanti. O guarda posicionou a câmera na direção do veículo, e percebeu que se tratava de um assalto.
Quando ele avisou as equipes de plantão, os próprios guardas ouviram a sequência de disparos, já que estavam a apenas uma quadra de distância, na Rua Presidente Faria. Quando chegaram ao local, encontraram João Pedro dos Santos, 33 anos, gravemente ferido. Ele foi socorrido pelo Siate e levado ao Hospital Cajuru, onde morreu horas depois. Contra ele vigorava um mandado de prisão.

Roubo
As imagens mostram que Felipe Fernandes, 44 anos, foi abordado por João dentro do veículo. Ele reagiu e tomou a arma do assaltante. Durante o embate físico, ele foi baleado na axila. O disparo perfurou o pulmão. João tentou sair correndo, mas Felipe disparou cinco vezes contra o assaltante, que caiu desacordado do outro lado da rua.

Foto: Equipe da Guarda Municipal que atendeu a ocorrência.
Felipe pegou seu celular, que ficou caído no chão, e arrancou com o Verona, provavelmente em busca de socorro. Ele perdeu as forças menos de duas quadras adiante, e parou na Praça 19 de Dezembro, onde também foi socorrido pelos guardas municipais e pelo Siate. No Hospital Cajuru, ele passou por uma cirurgia e permanece internado, em estado grave.
O revólver calibre 38 totalmente descarregado, com a numeração suprimida, ficou dentro do carro.

Foto: Marco André Lima

A maior dificuldade dos guardas, naquele momento, era descobrir quem era o assaltante e quem era a vítima, mas tudo foi esclarecido pela equipe que monitorou o crime do começo ao fim, através das câmeras.
O Verona ficou estacionado no pátio da sede da Guarda Municipal até ser devolvido para a família de Felipe. A arma utilizada no crime e as imagens foram encaminhadas para a Delegacia de Homicídios, que continua investigando o caso.



Fonte: http://www.parana-online.com.br/editoria/policia/news/642663/?noticia=VITIMA+REAGE+E+MATA+ASSALTANTE+NA+REGIAO+CENTRAL+DE+CURITIBA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua contribuição.
Inspetor Frederico

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com